Evo Morales deixa o México e viaja a Cuba

Ex-presidente que solicitou asilo político no México foi a Cuba para uma consulta médica, diz Gabriela Montaño, ex-ministra da Saúde da Bolívia.

O ex-presidente boliviano Evo Morales Carlos Jasso / Reuters O ex-presidente da Bolívia, Evo Morales, que solicitou asilo político no México desde 12 de novembro, viajou na manhã desta sexta-feira (6) para Cuba, informou o diretor de comunicação do Ministério das Relações Exteriores do México, Roberto Velasco. "Precisamos que hoje (sexta-feira) o Sr.

Morales viajou de manhã para Cuba.

Ele nos informou que é uma viagem temporária.

No momento, essa é a informação disponível", escreveu Velasco em sua conta no Twitter. Segundo Gabriela Montaño, ex-ministra da Saúde da Bolívia, Evo foi a Cuba para uma consulta médica. Evo Morales chegou ao México dia 12 de novembro, após renunciar ao cargo de presidente da Bolívia sob pressão das Forças Armadas bolivianas.

Os dois filhos do ex-presidente deixaram a Bolívia dia 23 de novembro e foram para a Argentina. Initial plugin text
Categoria:Mundo